sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Mulher é assaltada em estacionamento de supermercado no bairro Jardins


No início da noite dessa quinta-feira (27), por volta das 19h30, uma mulher foi assaltada dentro do estacionamento de um supermercado 24 horas, no bairro Jardins. A vítima relatou à polícia que estava estacionando o seu veículo e quando abriu a porta foi abordada.
De acordo com a vítima, o homem aparentava ter em torno de 30 anos e estava em uma motocicleta. O assaltante estava armado e obrigou a mulher a entregar seus pertences. O bandido conseguiu roubar o Iphone da vítima.
Ainda segundo a mulher, após ser assaltada ela procurou o segurança do estabelecimento e este relatou que havia acabado de passar pelo local e não tinha visto nada.

NOTA DE APOIO A DEPUTADO LAÉRCIO OLIVEIRA


As entidades que subscrevem esta nota vêm a público externar seu apoio ao deputado federal Laércio Oliveira, tendo em vista as críticas de que ele foi vítima recentemente, por manifestar com liberdade sua opinião quanto à importância da aprovação, pela Assembléia Legislativa de Sergipe, de empréstimo disponibilizado pelo Governo Federal, o PROINVESTE. É uma posição com a qual concordamos integralmente.
Destacamos que o deputado federal Laércio Oliveira defende uma posição legítima e coerente com sua atuação parlamentar focada no desenvolvimento de Sergipe, o que interessa não só aos setores produtivos, mas a todos aqueles que vislumbram um salto na qualidade devida da população sergipana – parte dela responsável pelo mandato que Laércio Oliveira vem honrando por completo.
Assim, o deputado nada mais fez do que agir conforme os princípios que norteiam seu trabalho na Câmara e, mais que isso, uma vida a serviço do bem comum, que todo Sergipe conhece.
FECOMERCIO- Federação do Comércio do Estado de Sergipe / FCDL- Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Sergipe / FACESE-Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Sergipe / FÓRUM EMPRESARIAL DE SERGIPE / CDL- Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju / ACESE- Associação Comercial e Empresarial de Sergipe / ACOMAC- Associação Comercial de Material de Construção / ASEOPP-Associação Sergipana dos Empresários de Obras Públicas e Privadas / ASSESPRO- Assoc. das Empresas Brasileiras de Softwaree Serviços de Informática  / ASES-Associação Sergipana de Supermercados / ADAS-Associação dos Distribuidores e Atacadistas de Produtos Industrializados de Sergipe / ASSEDIS- Associação das Empresas do Distrito Industrial de Socorro / ABAV- Associação Brasileira das Agências de Viagens / ABIH- Associação Brasileira daIndústria de Hotéis de Sergipe / SINDILOJAS  - Sindicato dos Lojistas do Estado de Sergipe/ SEAC- Sindicato das Empresas deAsseio e Conservação do Estado de Sergipe / SINDESP-  Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado de Sergipe / SHRBS/SE- Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Sergipe / SINDPESE- Sindicato do Comércio Varejista  Derivados de Petróleo do Estado de Sergipe / SINDETUR-Sindicato das Empresas de Turismo no Estado de Sergipe / SESCAP/SE- Sindicato das Empresas Contábeis do Estado de Sergipe / SINCOMACTINTAS- Sindicato do Comércio Varejista de Materiais de Construção de Sergipe / SINCADISE - Sindicato do Comércio Atacadista de Sergipe / SINCOVESE-Sindicato do Comércio Varejista do Estado de Sergipe.
Gilmara Almeida

João Alves diz que herdará dívidas astronômicas


Ao contrário do que tem declarado o atual prefeito Edvaldo Nogueira (PC do B), o prefeito eleito João Alves Filho (DEM) não vê possibilidade de receber uma prefeitura saneada. Ele avalia que as dívidas imediatas são elevadas e reclama da falta de transparência dos atuais gestores durante o processo de transição. “Nem todas as informações que nós quisemos, que nós pedimos, chegaram às nossas mãos”, revelou.

Esta falta de transparência, segundo João Alves, impediu que a equipe de transição avaliasse o montante do débito que os novos gestores herdarão a partir de primeiro de janeiro. O prefeito eleito garante que o débito não se limita aos atrasos dos repasses à Multiserv. “Se fosse só os oito milhões desta terceirizada, eu estaria felicíssimo. São dezenas e dezenas de milhões que estão atrasados”, garante. “Não conseguimos identificar o montante da dívida porque não conseguimos receber as informações durante a transição”, disse.

João Alves adverte que assumirá dívidas imediatas, que já estão comprometendo os serviços básicos das unidades de saúde e das escolas públicas, essencialmente. São débitos, na ótica de João Alves, que se unirão aos desafios para administrar a capital sergipana.

e
Problemas que se ampliarão, segundo o prefeito eleito, em função das últimas medidas adotadas pelo atual prefeito Edvaldo Nogueira, ao conceder isenções fiscais a alguns segmentos empresariais. “Além da queda, o coice”, brincou. “Além da divida, foram cortadas receitas agora na virada do governo, foram dadas isenções fiscais para vários setores, o que dificultará muito a administração e a população sabe que o imposto que se paga é o que mantém a máquina”.

Mudanças

O prefeito eleito João Alves Filho anunciou parte do primeiro escalão na manhã desta sexta-feira, 28, com a promessa de concluir todo o processo na próxima segunda-feira, 31. Nesta sexta, foram anunciados onze secretários, mas ele garante que pretende administrar com uma estrutura que contará com pelo menos 15 secretarias.

Embora não tenha antecipado nomes, João Alves Filho informou que todos os nomes já foram consultados e não descarta a possibilidade de convocar vereadores para auxiliá-lo na administração direta, o que contemplaria a defensora pública Emília Correia, a primeira suplente da coligação na Câmara Municipal.


O prefeito eleito não esconde o desejo de ter Emília Correia na equipe administrativa, mas será algo a ser definido após consulta à Defensoria Pública. “O nome de Emília Correia enaltece qualquer governo, mas há um problema, que é uma questão de interpretação do código interno da Defensoria Pública”, explica. “Ficou bem claro que defensor público pode ser secretário de Estado, mas não ficou claro se pode ser secretário de capitais”.

A senadora Maria do Carmo também está cotada para a Assistência Social, mas ainda não há definição. “Aí é uma decisão dela”, diz. Mesmo não ocupando a pasta, a senadora terá grande influência na Assistência Social, com a possibilidade dela própria indicar o sucessor [ou sucessora] de Bosco Rollemberg. “Se ela [a senadora] não vir, ela vai ser a pessoa que vai mais influenciar, ela vai, normalmente, fazer as sugestões”, garante.

João Alves garante que não fará nada mirabolante e garante que não montará novas estruturas no primeiro escalão, apesas de anunciar a criação de pelo menos três novas pastas: as Secretarias Municipais de Indústria, Comércio e Turismo, a ser comandada por Walker Carvalho; Meio Ambiente, pelo promotor Eduardo Matos; e Infraestrutura, na qual a Empresa Municipal de Obras e Urbanismo (Emurb) será subordinada, que terá o engenheiro Luiz Durval no comando. “São apenas adequações, mas não aumentamos o número de secretarias”, diz.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

João Alves anuncia secretariado na sexta


O prefeito eleito e diplomado de Aracaju João Alves Filho (DEM) anunciará seu secretariado na próxima sexta-feira, às 7h30.
O anúncio será feito no CDL Aracaju.
Já se sabe que a deputada estadual Gorette Reis (DEM) será secretária de Saúde.
Para a Emurb, irá Luiz Durval.
Pas as finanças, Nilson Lima.
A senadora Maria do Carmo (DEM) comandará os programas sociais da administração.
João Alves também criará a Secretaria de Infraestrutura.

Valmir de Francisquinho anuncia secretariado nesta sexta


v3

O prefeito eleito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho, confirmou entrevista coletiva para esta sexta-feira, 28, quando anunciará o secretariado que comporá a sua gestão, a ser iniciada no primeiro dia de 2013. "Temos trabalhado muito nos últimos meses, com vistas a tomar pé da atual situação do município. E com isso iniciamos o convite para os que comporão nossa equipe", disse Valmir, ao definir a Câmara de Vereadores de Itabaiana como o local para a realização da entrevista, a partir das 7:30h.

Desde a sua eleição, no último dia 7 de outubro, Valmir vem montando sua equipe de trabalho, inclusive com algumas inovações e cumprindo compromissos assumidos durante a campanha. "É o caso da secretaria de Indústria e Comércio, pois firmamos um acordo com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) da cidade e o nome escolhido por mim foi a partir de sugestões do CDL de Itabaiana", ressaltou o novo prefeito do município.

E a própria realização da entrevista coletiva também faz referência as proposituras apresentadas por Valmir de Francisquinho durante o período eleitoral. "Algo que sempre disse e continuo dizendo, até porque acredito nisso, é que faremos uma prefeitura para todos e com todo o povo de Itabaiana. E na hora de anunciar o secretariado, não poderia ser diferente. Por isso a entrevista será coletiva, de forma a privilegiar todos os veículos de comunicação da nossa cidade e do Estado também", frisou Valmir.

Quanto ao perfil de sua equipe, Valmir adiantou o que busca nos nomes escolhidos. "Nós temos compromissos políticos, afinal eu não me elegi sozinho, foi a soma de um grupo e do povo de Itabaiana que me elegeu. Mas tenho buscado para nossa equipe pessoas capacitadas tecnicamente, mas também sensíveis às necessidades da cidade e da população. Os itabaianenses podem ter certeza que os nomes anunciados estão preparados para os desafios que teremos pela frente", afirmou Valmir, destacando ainda que os trabalhos já começaram. "Oficialmente, todos sabem, é a partir do dia primeiro. Mas já estivemos em Brasília, em busca de recursos, e tenho me reunido diariamente com a equipe que anunciarei. Uma grande cidade como Itabaiana precisa e merece de um grande trabalho a frente de sua administração. E, para isso, quanto mais cedo começarmos a trabalhar, melhor", finalizou Valmir.

 
 

Homem é assassinado dentro de funerária em Aracaju



funerria-intNa noite desta quarta-feira, dia 26, por volta das 19:40h, um jovem identificado como
José Arnaldo de Souza Junior, de 18 anos, foi assassinado dentro de uma funerária, localizada no Bairro América, zona oeste de Aracaju.

O jovem se encontrava na Praça da Liberdade, localizada ao lado do Centro de Formação e e Aperfeiçoamento de Praças (CEFAP), quando um homem ainda não identificado pela polícia chegou atirando.

Na tentativa de fuga o jovem atravessou a Avenida Desembargador Maynard, localizada no mesmo bairro, e tentou se esconder dentro de uma funerária, onde foi alcançado pelo seu perseguidor e alvejado com vários tiros, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Por: Luciana Domingos
Fonte: Sandoval Notícias
Fotos: Sandoval Notícias
funerria-corpo2

EM CAPELA, PREFEITO ELEITO TEM MINORIA NA CÂMARA E PODE NÃO TOMAR POSSE DIA 1º


Mesmo com um pé fora da prefeitura, Sukita deve complicar a administração de Ezequiel desde o primeiro dia.
Desde que perdeu as eleições no município de Capela, o prefeito Manoel Messias Sukita (PSB), tem demonstrado que mesmo sem cargo, vai manipular a política naquele município.
Logo após os resultados das eleições, Sukita começou a dar entrevista, se colocando como “perseguido” pelo prefeito eleito, Ezequiel Leite (PR), porem o atual prefeito não contou que não conseguiu eleger a sua sucessora, mas que tinha feito maioria na Câmara.
Para mostrar que tinha maioria, os vereadores ligados a Sukita, aprovaram o polêmico projeto encaminhado por ele que reduziu o orçamento de 80%¨para 5%.
Com tudo isso, o prefeito eleito Ezequiel Leite poderá não ser empossado no dia 1º de janeiro de 2013, a exemplo do que ocorrerá com os eleitos. É que a Câmara de Vereadores distribuiu convites para a posse dos parlamentares eleitos, escolha da nova mesa diretora e posse ao prefeito eleito às 0:10h, da próxima terça-feira, dia 1º de janeiro, na sede da Câmara e confirmou horário.
Já Ezequiel Leite distribuiu o seu convite anunciando a posse será às 17 horas do dia 1º, no Colégio Imaculada, e para complicar e tumultuar ainda mais a situação,  e os vereadores já anunciaram que não vão.

MARCELO DÉDA RECEBE VISITA DO AMIGO LULA


O governador de Sergipe, Marcelo Déda (PT), recebeu a visita do ex-presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva (PT).
Lula esteve no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, na manhã desta quinta-feira (27), onde foi fazer uma visita ao amigo  Marcelo Déda que realiza a quarta etapa da quimioterapia que recebe para o tratamento de um câncer. O diagnóstico de uma neoplasia gastrointestinal foi confirmado no ultimo dia 1º de outubro, e desde estão o governador vem realizando sessões de quimio.
Em seu twitter, Déda postou que naquele momenta estava recebendo a visita do amigo Lula. “Recebendo a visita aqui no Sírio do meu querido Companheiro e Líder Luiz Inácio Lula da Silva.”, postou Déda.
align=middle

Princípio de incêndio em apartamento do hospital São Lucas


No inicio da tarde desta quinta-feira, 27, um principio de incêndio em um apartamento de um hospital, localizado no bairro São José, causou susto em uma paciente. De acordo com o filho do paciente, o jornalista Paulo Sousa, o fato ocorreu no apartamento 121.
Paulo conta que a mãe notou a fumaça tomando conta do apartamento e acionou a equipe de enfermagem que rapidamente transferiu a paciente para o apartamento 126. Ainda segundo o jornalista a brigada de incêndio do hospital também foi acionada e usaram extintores para apagar o fogo.
O jornalista relata ainda que no momento do fato a irmã dele estava no quarto com Prosterina Marcelina de Souza, conhecida como dona Marcelina, de 76 anos. “O susto foi grande porque a minha mãe está internada se recuperando de um atropelamento que sofreu em novembro. Ela foi atropelada por um ônibus enquanto estava na faixa de pedestre”, relata Paulo Sousa que acredita que o problema tenha ocorrido devido a falta de manutenção no aparelho.
“Já tinhamos notado um barulho estranho no ar-condicionado, mas fomos informados de que o barulho era normal, mas a minha mãe foi transferida para outro quatro e o quatro onde ela estava foi isolado”.
São Lucas
Ás 15h56 a assessoria de comunicação do hospital entrou em contato com a redação do jornal dos municípios e esclareceu que o problema foi ocasionado devido a queima do compressor, mas que tudo já foi resolvido. O ar-condicionado já foi trocado e o quatro liberado.
* A matéria foi alterada às 16h01 para acréscimo de informações do São Lucas

Carira: salário de prefeito reajustado em 70%


Prefeito ganhará cerca de R$ 24 mil e vereador R$ 6 mil
Jailton do Preá: "queda na arrecadação impedirá remuneração integral" 
Conforme lei aprovada em agosto passado, os salários do prefeito de Carira e dos onze vereadores do município sofrerão um reajuste significativo que pode chegar ao patamar de 70%. O prefeito, que atualmente recebe cerca de R$ 14 mil terá direito a um salário de algo em torno de R$ 24,6 mil, enquanto o vereador que recebe neste ano R$ 3.715,00 terá direito a uma remuneração superior a R$ 6 mil.

No entanto, na ótica do Jailton Martins de Carvalho (PP), atual presidente do Poder Legislativo Municipal, conhecido como Jailton do Preá, nem o Legislativo nem o Executivo terão condições de garantir o pagamento integral no valor estabelecido pela lei municipal.

Devido à queda na arrecadação municipal, provocada por medidas de incentivo fiscal concedidas pelo Governo Federal, segundo o parlamentar, a remuneração dos vereadores a partir de janeiro não será maior que R$ 4,5 mil e a de prefeito não deve ser maior, na visão do presidente da Câmara, que R$ 18 mil.

O reajuste soou antipático entre os eleitores de Carira. Mas os vereadores não enfrentaram dificuldades para a reeleição. Todos os vereadores que se candidataram foram reeleitos, conforme observa o presidente Jailton do Preá. Para o vereador, tendo a população reprovado a iniciativa da Câmara Municipal, nenhum dos vereadores teria sido reeleito. “O reajuste foi aprovado em agosto deste ano, cerca de dois meses antes da eleição”, considera o parlamentar.

Os novos vereadores desconhecem os reais valores, mas não condenam o reajuste. “Não estou sabendo, mas se tudo estiver dentro da lei é justo. Se não tiver na lei, aí é errado”, observa o vereador Jailton Correia Santos, o Jailton da Massaranduba (PSB).

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

prefeito eleito de Japaratuba anuncia seus secretários!



o prefeito eleito de Japaratuba Padre Gerard anunciou na manhã de hoje seus secretários e pediu muita união, tanto dos donos das pastas, quanto da população, ainda na oportunidade desejou a todos boas festas e muitas felicidades para o povo, além de ressaltar que todos os compromissos de campanha serão seguidos e se comprometeu mas uma vez em trabalhar para a comunidade sem distinção  veja os novos secretários aparte de 2013:
Prefeito: Pe. Geraldo/Vice-prefeito: Hélio Sobral
Procuradora Geral: Drª Dirce Regina Batista dos Santos
Chefe de gabinete: Tiago do Nascimento
Controle Interno:José Adelmo dos Santos
Projetos e Captação de Recursos: José de Almeida
Obras: Alexandro Rodrigues dos Santos
Assistência Social: Gicelma Santos
Educação: Antônio David Rodrigues Almeida
Saúde: Siziana Alcântara Cardoso
Agricultura: Albert Batista Moura
Finanças: Edmeire dos Santos Ferreira
Administração: Augusto Gonçalves Neto
Comunicação Social: José Joaquim Silva Santos
Cultura:Robson Rodrigues dos Santos


nós desejamos muita sorte e sucessos aos secretários além dos amigos Padre Gerard Lothaire e o seu vice Hélio Sobral

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012



PREFEITO ELEITO DE ITABAIANA É CONDENADO A 2 ANOS DE PRISÃO, MAS PODE RECORRER


O juiz Marcelo Cerveira Gurgel, de Itabaiana, condenou o prefeito eleito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho à pena de dois anos de reclusão e dez dias multa “por considerá-la necessária e suficiente à reprovação e prevenção do crime praticado”. Valmir respondeu a processo por porte ilegal de armas, crime pelo qual foi condenado.
O juiz, entretanto deixa de aplicar a atenuante da confissão espontânea, feita por Valmir de Francisquinho na fase inquisitorial, “em face da pena base aplicada ser a mínima. Ante a ausência de outras circunstâncias legais, ou de causas de aumento ou diminuição de pena”.
- Considerando a situação econômica do condenado, nos termos do art. 49, § 1° do CP (Código Penal), fixo o valor do dia-multa em 1/30 (um trigésimo) do salário mínimo vigente à época do fato, devidamente atualizado quando do pagamento (art. 49, § 2º do CP), que deverá ocorrer no prazo de 10 dias (art. 50 do CP), a contar do trânsito em julgado da presente sentença”, determina o juiz.
E mais: “vislumbrando as condições previstas no art. 44 do Código Penal, substituo a pena privativa de liberdade por duas penas restritivas de direito, sendo uma na modalidade prestação de serviço à comunidade (art. 43, IV do CP), a ser executada na forma estabelecida no art. 46, § 3º do CP, devendo ser cumprida à razão de uma hora de tarefa por dia de condenação e de modo a não prejudicar a jornada normal de trabalho do condenado, em entidades que serão designadas quando da audiência admonitória, sendo-lhe facultado seu cumprimento em menor tempo, de acordo com o que dispõe o art. 46, §§ 3º e 4º, do CP e a outra modalidade prestação pecuniária consistente em pagamento da quantia de R$ 3.110,00, sendo as condições de pagamento informadas na audiência admonitória”.
Em sua decisão, o juiz permito que o réu, “querendo, apele em liberdade, pois não estão presentes na hipótese em análise os requisitos da prisão preventiva. Condeno-o, ainda, no pagamento das custas processuais”.

JUSTIÇA BLOQUEIA CONTAS DE JAPARATUBA


A pedido do Ministério Público de Sergipe, o Poder Judiciário Sergipano determinou o bloqueio das contas do Município de Japaratuba com o intuito de viabilizar a conclusão de várias obras iniciadas naquela Cidade no último período eleitoral.
De acordo com o Promotor de Justiça Paulo José Francisco Alves Filho o MP instaurou procedimento administrativo, através do qual restou comprovada várias irregularidades na contratação e execução de obras de reforma em prédios e praças de Japaratuba. “As obras e reformas começaram e precisam ser concluídas”, salientou o Promotor.
A fim de assegurar recursos para dar continuidade aos trabalhos, o Juiz de Direito, Dr. Rinaldo Salvino determinou o imediato bloqueio das contas de royalties naquele Município.
Ascom MPE

Justificação das taxas de inscrição para concursos


Muitos candidatos não participam de concursos públicos por não terem condições de pagar a taxa de inscrição. Alguns concursos cobram valores altos demais para a realidade de muitos estudantes. Levando-se em consideração o fato de que cabe a todo cidadão brasileiro o direito à transparência de órgãos públicos na gestão de recursos financeiros, o deputado federal Laércio Oliveira apresentou o PL 4790/2012 que determina que todos os editais deverão ter detalhamento orçamentário suficiente a justificar o custo das taxas de inscrição.
Atualmente pessoas com renda mensal per capita de até meio salário mínimo ou que possua renda familiar mensal de até três salários mínimos é isenta de pagar a taxa de inscrição. A norma foi instituída pelo decreto nº 6.593/2008 que regulamenta o benefício em concursos públicos realizados no âmbito do Poder Executivo Federal. Essa normatização, geralmente, é adotada em seleções estaduais e municipais.
Mas segundo Laércio Oliveira, essa limitação não se restringe apenas àqueles provenientes de famílias de baixa renda. “Muitos concurseiros com uma renda superior também tem dificuldade para conseguir pagar a taxa, já que eles não têm apenas esse tipo de despesa durante a preparação para uma seleção”, argumentou.
Fonte: Assessoria Parlamentar

PMA: Gorete Reis é confirmada na pasta da Saúde


Deputada estadual confirma indicação em rede social

A deputada estadual Goretti Reis (DEM) assumirá a Secretaria Municipal de Saúde na administração do futuro prefeito João Alves Filho. A parlamentar revelou que teria aceitado o convite do futuro prefeito em mensagem postada no twitter.

O médico Gilvan Pinto foi o primeiro a acompanhar a equipe de transição da Prefeitura e por isso especulava-se que o mesmo assumisse a pasta. Mas a futura secretária já participou da reunião de gestores municipais da saúde, que ocorreu na manhã desta quinta, 20.

A parlamentar, que já exerceu o cargo de secretária de saúde do município de Lagarto, diz que enfrentará um grande desafio. “Tenho conhecimento do caos da saúde em nosso Estado. Minha garra, determinação e os cargos que ocupei me credenciam para enfrentar essa nova batalha”, comentou. A vaga deixada por Goretti Reis na Assembleia Legislativa será ocupada pelo primeiro suplente Antonio Passos (DEM).

O futuro prefeito João Alves Filho ainda não anunciou o secretariado. Especula-se que Nilson Lima será indicado para a Secretaria Municipal de Finanças, Carlos Batalha, para a Comunicação, e Luiz Durval comandará a Empresa Municipal de Obras e Urbanismo (Emurb).

HOMENAGEM DO DEPUTADO ZÉ FRANCO PARA TODOS OS SERGIPANOS


BARATA EM ENCONTRADA EM REDE DE SUPERMERCADO EM ARACAJU

Com Barata Americana é mais barato no Hiper G.BARBOSA Sul...Alô Vigilância Sanitária de Aracaju!
internauta flagra insetos em rede de supermercado    
FELIZ NATAL E UM 2013 DE MUITAS REALIZAÇÃOS PARA TODOS OS SERGIPANOS SÃO OS VOTOS DO DEPUTADO FEDERAL  LAÉRCIO OLIVEIRA






quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

FELIZ NATAL E UM 2013 DE MUITA FELICIDADE PARA TODOS SERGIPANO


VEREADOR ALDON ELEITO E DIPLOMADO EM SOCORRO


O VEREADOR JOEL FONTES FOI DIPLOMADO VEREADOR DE SOCORRO


DIPLOMAÇÃO DO VEREADOR ELMO PAIXÃO

O VEREADOR ELEITO DE NOSSA SENHORA DO SOCORRO  ELMO PAIXÃO, DIPLOMADO NA ULTIMA QUARTA-FEIRA  DIA 19 / 12/ 2012,  AGRADECEU A TODOS OS AMIGOS QUE SE FEZ PRESENTE NO FORO OSCAR CHAGAS DÉDA  EM NOSSA SENHORA DO SOCORRO ,PARA NOS PRESTIGIA NESSE EVENTO TÃO IMPORTANTE EM MINHA VIDA. AGRADECENDO A TODOS OS MEUS FAMILIARES. 










Jovem é assassinado dentro de casa no conjunto Jardim


No final da manhã desta quarta-feira (19) um homicídio foi registrado na rua Nossa Senhora de Fátima, nº 15, no conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro. O crime aconteceu dentro da residência em que a vítima morava.

O jovem identificado como Francisco Santos Barbosa, 23 anos, foi morto a tiros no quarto de sua casa. Segundo uma prima, Francisco era usuários de drogas. A polícia foi acionada e esteve no local para dar início as investigações. De acordo com as primeiras informações da polícia, o jovem estava no quintal de casa quando foi abordado e levado para o quarto, local onde foi assassinado.

GRACINHA DIZ QUE VAI ADMINISTRAR O CAOS

Depois de ter sido diplomada, a prefeita eleita de Itaporanga D’Ajuda, Maria das Graças Garcez (PSDB) revelou que a situação do município não é nada confortável. “Vamos ter muita dificuldade e estou pedindo muita sabedoria a Deus para que eu possa administrar o município, de modo a evitar mais transtornos à população”, afirmou.
Eleita com mais de 50% dos votos em outubro passado, Gracinha contou que volta ao comando do município com muitos desafios. “Quando eu sai da Prefeitura há quatro anos, deixei vários veículos, inclusive alguns novos como um retroescavadeira, salário em dia. Tudo em ordem. Na mesma proporção que ficaram restos a pagar, também ficaram recursos em caixa”, afirmou a prefeita, que assume o cargo no próximo dia 1º de janeiro.
“Hoje, sabemos que toda a frota de carros está danificada. Motores batidos e até uma retroescavadeira doada há cerca de cinco meses pelo governador Marcelo Déda está com o motor batido por falta de óleo”, contou. Ela revelou ainda que várias equipes de médicos do Programa Saúde da Família estão apenas cumprindo horário em seus postos de trabalho, por falta de condição. “Ou falta carro, ou falta combustível. Um caos total”, afirmou, ao reclamar a total falta de respeito para com a coisa pública.
A prefeita lembrou que as administrações são impessoais e todos os gestores têm a obrigação de preservar o patrimônio público que é do povo. “Dilapidá-lo é de uma irresponsabilidade sem tamanho. É descompromisso, sobretudo, com o povo”, afirmou Gracinha Garcez, acrescentando que há, também, débitos com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), bem como fornecedores. “Vamos aguardar a posse para que tomemos pé da situação e possamos adotar as providências cabíveis. Neste momento, só pedimos ao povo um pouco de paciência”, disse.    
 

PRF APREENDE VIATURA IRREGULAR DA PM/SE


Com dois anos em atraso no documento, PRF faz levantamento e apreende viatura da PM
 
Uma viatura pertencente à 1ª Companhia do 3º Batalhão de Policia Militar, de Itabaiana,  foi apreendida por agentes da Policia Rodoviária Feral (PRF), após se envolver em um acidente na BR 235.
A viatura da PM, pertencente a 1ª Cia, de Areia Branca, que se envolveu em um acidente nesta terça-feira (18), e que teve apenas danos materiais, acabou sendo apreendida pela PRF por estar com dois anos de licenciamento em atraso, além de um mandado de busca e apreensão.
Os agentes federais que foram até o local do acidente fazer o levantamento, não tiveram alternativa a não ser recolher o veiculo e levá-lo para o pátio da PRF, localizado na avenida Maranhão em Aracaju. É que para surpresa dos PMs e dos agentes, mesmo se tratando de uma viatura policial, essa estava com os documentos irregulares, ou seja, havia dois anos em atraso.
Surpresa maior e desagradável para os policias militares, aconteceu quando agentes da PRF foram fazer um levantamento sobre o veículo, que para surpresa de todos, havia um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça Federal.
Desta forma, com tantas irregularidades, o veiculo acabou sendo recolhido ao pátio da PRF aguardando que a secretaria de segurança pública possa resolver a situação para que o veiculo seja liberado.
Munir Darrage

Família é mantida refém em assalto em Carmópolis


Casal e filha são abandonados no povoado Miranda em Capela
Casal é sequestrado em Carmópolis 
Uma família foi mantida refém durante assalto cometido na noite desta terça-feira, 18, por três homens armados na cidade de Carmópolis. O casal ocupava uma caminhoneta de quatro portas e foi abordado quando o condutor do veículo reduziu a velocidade em um quebra-molas, instalado próximo ao fórum da cidade.

De acordo com informações do 1º sargento Sacramento, da 3ª Companhia do 2º Batalhão de Polícia Militar, o assalto foi registrado por volta das 22h, depois que a vítima saía de um show no balneário da cidade. O casal estava acompanhado de um dos filhos, uma criança do sexo feminino.

O condutor do veículo foi obrigado a ocupar o banco traseiro, enquanto um deles tomou a direção e os outros dois se posicionaram nas laterais do banco traseiro do veículo. Os três foram sequestrados e abandonados, posteriormente, em um local ermo, no município de Capela.

Durante a ação, segundo o sargento, os bandidos teriam se comportado de forma a tranquilizar o casal, informando que eles só tinham interesse no veículo, para “fazer uma parada” no Estado de Alagoas. No entanto, eles não informaram detalhe sobre que tipo de crime estariam planejando.

Os assaltantes seguiram, com as três vítimas, em direção à BR 101, e abandaram os reféns momentos depois, nas imediações do povoado Miranda em local ermo. Uma das vítimas conseguiu manter um telefone escondido, segundo o sargento. Quando foram abandonados, eles telefonaram informando o local onde se encontraram e a equipe da 3ª Companhia do 2º BPM foi acionada pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).

O 1º sargento informou que os policiais realizaram rondas, mas não conseguiram localizar pistas dos assaltantes. Além do veículo, eles também teriam levado a aparelhagem de som e instrumentos musicais pertencentes às vítimas.

De acordo com a polícia, os assaltantes prometeram que o veículo seria abandonado, após a suposta “parada”, mas até o momento não há pistas. Assim como também não há registro de crimes cometidos por homens ocupantes do veículo roubado, uma caminhoneta de placa MVJ 3186/SE.

PM se envolve em confusão em pousada e é preso


Fato ocorreu em uma pousada na Atalaia. PM está custodiado
Coronel Jackson diz que PM será ouvido pela Corregedoria
Um policial militar se envolveu em uma confusão nesta madrugada, 19, dentro de uma pousada localizada na Orla de Atalaia. A polícia foi acionada, através do 190, mas ao chegar no local teriam sido desacatados pelo colega de farda que foi preso e encaminhado à delegacia.
O PM estaria descontrolado e recebeu voz de prisão. De acordo com o tenente-coronel Jackson Nascimento, comandante do Comando de Policiamento Militar da Capital (CPMC), o policial foi encaminhado ao Hospital da Polícia Militar (HPM), onde permenece custodiado. Ainda segundo o coronel, a corregedoria irá ouví-lo e tomará as medidas cabíveis.
“A informação que recebemos foi de que ele se envolveu em uma confusão em uma pousada no bairro Atalaia. A denuncia chegou pelo 190. Quando os policiais chegaram deram voz de prisão. Agora ele está no HPM, onde está custodiado”, adiantou o coronel.

domingo, 16 de dezembro de 2012

Prefeito e vereadores eleitos em Aracaju serão diplomados na próxima segundaPrefeito e vereadores eleitos em Aracaju serão diplomados na próxima segunda


Na próxima segunda-feira (17) acontece a diplomação dos eleitos em Aracaju no pleito de 7 de outubro deste ano. A solenidade será comandada pela juíza da segunda zona eleitoral, Ana Bernadete Leite, e pela presidente do T-R-E, Aparecida Gama.
Na ocasião serão diplomados o prefeito eleito João Alves Filho, o vice, José Carlos Machado e os 24 vereadores eleitos, além dos suplentes. A diplomação será às 17h, no teatro Tobias Barreto.

Homens tentam matar desafetos no Huse


Tiros são disparados contra taxi na porta do Samu
Roberto: veículo com sete perfurações
Dois homens que ocupavam uma Paraty metralharam o veículo do taxista Roberto Correia de Andrade na porta da Central de Regulação Médica do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). O taxista conduzia quatro passageiros feridos em um atentado registrado na manhã deste sábado, 15, na feira livre da cidade de São Cristovão.

O taxista revela que foi chamado por uma das mulheres, que teria sido atingida na altura do joelho, supostamente por uma bala perdida. Mas quando se aproximou, havia outras três pessoas também feridas, sendo dois homens e uma mulher, que também entraram no veículo, um Voyage de placa NVG o168, licença de São Cristovão, com a proposta de dividir a despesa da corrida.

Os dois homens que teriam tentado matar dois homens na feira livre perseguiram o taxi. “Nem percebi que estava sendo seguido. Quando parei o carro na porta do hospital, só vi os tiros”, conta Roberto. “Não sei se eles foram de novo atingidos porque me escondi embaixo do banco para me livrar dos tiros”, revela o taxista. A lateral esquerda do veículo foi atingida por sete projéteis e os vidros das portas do passageiro e do motorista foram destruídos.
Equipe da RP atende à ocorrência, mas não localiza atiradores
De acordo com informações da equipe da Companhia da Rádio Patrulha, há foragidos, além dos dois atiradores que saíram em alta velocidade na Paraty. No Huse, três pacientes envolvidos na confusão na porta do hospital foram identificados, entre os quais uma adolescente de 16 anos. Também foram identificados Danilo Rafael, 25, e Alain Prata, com a mesma idade.

A adolescente foi atingida na perna e, depois de passar pela sala de sutura, recebeu alta. Alain Prata também já foi liberado. Danilo permanece no hospital, mas o quadro de saúde dele é considerado estável, segundo informações da assessoria de imprensa.

Os policiais militares da Companhia Rádio Patrulha permanecem acompanhando a ocorrência, que será alvo de investigação da Polícia Civil. O Portal Infonet permanece acompanhando a situação e poderá trazer novas informações sobre o episódio a qualquer momento.

EDIVALDO deixa a PMA com débitos de R$ 70 milhões a longo prazo


Prefeito garante que prefeitura de Aracaju está saneada
Edvaldo Nogueira: sem dívidas astronômicas (Fotos: Cássia Santana
O prefeito Edvaldo Nogueira (PC do B) conversou com o Portal Infonet, oportunidade em que fez um balanço financeiro do município. Encerrando o mandato no próximo dia 31, Edvaldo sai da prefeitura de Aracaju com espírito de vitória, apesar de assistir, nas urnas, à derrota do seu candidato, o deputado federal Valadares Filho (PSB), nas eleições municipais realizadas em outubro.

Nesta entrevista, Edvaldo defende um novo pacto federativo que proporcione maior repasses para os municípios brasileiros e informa que, embora com débitos pendentes de R$ 70 milhões para longo prazo, deixará para o sucessor João Alves Filho (DEM) uma maravilhosa herança: sem dívidas astronômicas, orçamento de R$ 1,5 bilhão e uma capacidade de endividamento ímpar. “É a prefeitura do Brasil com a maior capacidade de endividamento”, garante o prefeito.

Leia, a seguir, os principais trechos da entrevista ao jornal dos municípios  – Como está a prestação do atendimento à saúde mental em Aracaju depois do bloqueio das contas a partir da ação judicial movida pelo Ministério Público fruto das dívidas da PMA com as casas de saúde que prestam estes serviços?
Edvaldo Nogueira – Primeiro: a dívida da prefeitura equivale a um terço do que foi bloqueado. Segundo: parte daqueles doentes é do interior, não é do município de Aracaju. Terceiro: a clínica não tem as mínimas condições. É uma clínica que tem poucas condições de atender. Quarto: a clínica não tem nenhuma certidão. O sentido ali é a desativação. O trabalho da prefeitura é de desativar aquele serviço e estamos buscando alternativas para retirar os pacientes de lá para colocar os pacientes de Aracaju em outro lugar.
jornal dos municípios  – O senhor falou que 68% da arrecadação nacional é concentrada na União, enquanto os municípios ficam apenas com 15%. Isto seria o grande entrave para a municipalização das políticas públicas?
Edvaldo Nogueira
 – Não tenha dúvida. É o entrave do país. Minha experiência de seis anos e nove meses como prefeito, vice-prefeito e como membro da Frente Nacional de Prefeitos, sempre lutamos todos estes anos para mudar este cenário. Defendo um novo pacto federativo. Este pacto federativo de hoje no Brasil vai, a curto ou médio prazo, enfraquecer ainda mais os municípios. A continuar como está, só vai piorar a situação dos municípios brasileiros.
jornal dos municípios – Qual seria o modelo ideal para fortalecer os municípios brasileiros?
Edvaldo Nogueira – Seria repartir melhor a arrecadação: a União ficar com cerca de 50%, 30% com os municípios e 20% com os Estados. Ou 40% para a União e 30% para Estados e Municípios. O que não pode é municípios brasileiros, do bolo tributário, ficar apenas com 14,6% ou 15%, o Estado ficar com 25% e o Governo Federal ficar com 60%. É inadmissível. Como vai se expandir a saúde, a assistência social, como vai resolver os problemas do trânsito e da moradia? Como vai resolver os problemas que a cidade é chamada a cada dia a resolver, se não tiver recursos? Na maioria dos municípios, entre 35% a 47% e alguns até 50% do que se arrecada é para pessoal. Então, você fica com 50% para cuidar da educação, da saúde, do esporte, da infraestrutura... Nós, graças a Deus, fizemos um projeto que conseguimos captar muitos recursos. Se não captar recursos fora, seja no Governo Federal, via PAC, seja em bancos, via empréstimos, você não consegue fazer obra. Por exemplo, seria impossível um prefeito fazer um investimento que fizemos em seis anos, de mais de R$ 400 milhões, com recursos próprios. A prefeitura, com recursos próprios nunca teria condições de fazer.
jornal dos municípios  – O senhor fala que bateu recorde em investimentos.
Edvaldo Nogueira - Em nenhum momento da história, a prefeitura de Aracaju investiu R$ 400 milhões em seis anos. É o maior recorde da história de Aracaju. A média anterior era de R$ 30 milhões por ano. Nos períodos maiores, que foi no governo de Jackson [Barreto, o atual vice-governador], na década de 80, e no governo Déda se conseguiu expandir, mas quando se conseguia R$ 30 milhões anualmente era muito. Então, quase que tripliquei. E por quê? Porque fiz muito projeto e fui pra Brasília buscar recursos. Teve o PAC que o governo federal lançou, que foi muito importante porque ajudou muitos municípios do ponto de vista de infraestrutura.
Prefeito deixa orçamento superior a R$ 1 bi
jornal dos municípios  – Qual a arrecadação própria de Aracaju?
Edvaldo Nogueira –
 A arrecadação própria, de IPTU, ISS e ITBI, dá em torno de 15% de todo orçamento municipal. Agora, juntando com o FPM vai para a casa dos 35%. Portanto, os 60% são decorrentes de recursos que a gente consegue por fora.

jornal dos municípios  – A poucos dias para o fim do mandato como está a saúde financeira da prefeitura de Aracaju?
Edvaldo Nogueira –
 Comparativamente com as outras cidades e capitais brasileiras, a prefeitura de Aracaju está bem. Obviamente que, como em todo Brasil, tivemos uma queda brutal na arrecadação nos últimos três meses: perdemos R$ 30 milhões do FPM. É uma queda muito grande. O governo federal mexeu nos dois impostos que formam a base de cálculo do Fundo de Participação, que é o IPI e o Imposto de Renda. O governo diminuiu as alíquotas do Imposto de Renda, aumentou a faixa de tributação e quando tirou o IPI dos carros, perdemos.

jornal dos municípios  – Mas foram medidas acertadas do governo para equilibrar a economia?
Edvaldo Nogueira –
 A medida é fundamental para o Brasil. O governo fez certo. A presidente Dilma está no rumo correto, está fazendo aquilo que tem que ser feito. Agora, o que tinha que fazer é o que fez o presidente Lula em 2008: fazer a compensação. E hoje não há compensação e não vai ocorrer. Está descartada, momentaneamente e até para o futuro, compensação tributária pelo Fundo de Participação dos Municípios.

jornal dos municípios  – Que dívidas o senhor deixará para o seu sucessor?
Edvaldo Nogueira 
– Não vamos deixar dívidas. Vamos equacionar até o dia 31 tudo o que tiver de ser equacionado. Vamos deixar a cidade e a administração dentro da Lei de Responsabilidade Fiscal. Ficam os financiamentos, as coisas, mas é natural um governo deixar para o outro. São pagamentos, prestações...  Mas dívidas de obras realizadas com recursos próprios. Pelo contrário. Todas as obras estruturantes que estamos realizando estão com recursos assegurados: viaduto, ponte e estrada ligando o Augusto Franco, que já está pronta, canal Beira Mar, Canal Costa do Sol, Loteamento Marivan, casas, o 17 de Março, o resto da obra do Coqueiral, o restante da obra do Santa Maria. Para tudo isso, tem recursos.

jornal dos municípios  – O senhor garante que não deixará dívidas. Mas a Multiserv, por exemplo, tem reclamado de pendências com relação ao contrato com o município. Como está esta pendência com o grupo?
Edvaldo Nogueira
 – Há uma discussão. Isso é uma discussão da Secretaria Municipal de Saúde. Eles colocam um dado e a secretaria coloca outro. Então, há uma disputa para se chegar a um número real. Isto está ainda em processo de discussão e, obviamente, as dívidas da prefeitura serão todas sanadas.

jornal dos municípios  – O senhor tem ideia de quanto a prefeitura deve efetivamente?
Edvaldo Nogueira 
– Não. Não são dívidas grandes. As dívidas são fruto da queda do Fundo de Participação. O que na realidade não são dívidas, são atrasos de alguns momentos. A prefeitura pagou sempre, todo mês, certinho. Mas pode ter tido um ou outro atraso decorrente da redução da receita. Não há dívidas astronômicas na prefeitura de Aracaju, graças a Deus.

jornal dos municípios  – Qual o nível de endividamento da prefeitura?
Edvaldo Nogueira
 – Excelente. A prefeitura de Aracaju tem possibilidade de contrair empréstimos de R$ 1 bilhão e deve R$ 100 milhões. Nem chega a isso, deve R$ 70 milhões. É a prefeitura do Brasil com a maior capacidade de endividamento. Isto foi dito pela Secretaria do Tesouro Nacional. Neste campo, nós não temos nenhum problema. Nosso orçamento é de R$ 1 bilhão e R$ 500 milhões, a gente pode endividar uma vez e meio o orçamento e temos uma dívida de R$ 70 milhões. É nada. E toda esta dívida é de longo prazo. Está uma maravilha.

jornal dos municípios  – Então, o prefeito eleito João Alves Filho receberá uma prefeitura saneada?
Edvaldo Nogueira
 - Se comparar o histórico do passado, como os prefeitos deixavam para os outros, se comparar com o que estão fazendo no Brasil, aqui é uma maravilha. Estou deixando a prefeitura nas melhores condições que um prefeito pode deixar para outro. Estou deixando a prefeitura nas condições que deixaria para qualquer sucessor. Não estou mexendo em nada. Não estou fazendo nenhuma coisa que não faria se fosse Valadares Filho o eleito.

jornal dos municípios  – Como está ocorrendo o processo de transição?
Edvaldo Nogueira 
– Está excelente. A comissão está funcionando. Os dados são fornecidos. A equipe está em um prédio da prefeitura, com salas, computador. Está tudo em ordem. Não tivemos nenhum problema na transição, até agora. Sexta-feira [passada, dia 7] estive em Brasília com o doutor João Alves. Levei um projeto que tínhamos feito, um projeto de R$ 108 milhões que estamos lutando para a mobilidade urbana e, lá, quem defendeu fui eu. Vou assinar o projeto. Se fosse qualquer outro prefeito não mandaria. Eu sou republicano, estou pensando na cidade. Não importa quem é que vai fazer. O que importa é a cidade ter. Que sentido tem você prejudicar a cidade por causa de um adversário político ou de um partido político que você não gosta ou tem idiossincrasia? Isso não vale. Está errado. A luta política é na eleição, é num embate político, no momento de ter a política. Agora, passou a política, nós temos que pensar na cidade. Não tenho dúvida que, se fosse outros, não colocaria nem este projeto. Deixaria lá. Mas eu, não. Eu fui, defendi. O projeto já foi pré-aprovado. Inclusive o doutor João estava do meu lado, com nossa equipe defendendo o projeto. E estou muito otimista de que o projeto será aprovado e vai ser garantido aqui R$ 108 milhões para tratar da mobilidade urbana. Procedo desta forma porque acho que é a melhor forma de se proceder na política, diferente de outros que querem prejudicar, apenas por prejudicar.

jornal  – O senhor já anunciou pagamento do 13º para esta sexta-feira, 14. Quando sairá o pagamento do salário de dezembro?
Edvaldo Nogueira 
– Anunciarei posteriormente quando vou pagar os salários. Cada dia com a sua agonia. Há tempo pra tudo. Vou me esforçar para pagar antes do dia 31.

PT aponta Déda como candidato a senador em 2014


Partido não indicará candidatos para governador em 2014
Rogério Carvalho: entendimento pelo Proinveste
Em entrevista ao JORNAL DOS MUNICÍPIOSo deputado federal Rogério Carvalho, presidente da Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), fala sobre as expectativas do partido para 2013 e anuncia a candidatura do governador Marcelo Dáda ao Senado.
Rogério defende coligações e não vê possibilidade do partido fazer indicações para o Governo do Estado. Em relação ao Proinveste, o presidente do PT acredita que haverá entendimento entre o Governo e a oposição na Assembleia Legislativa no próximo ano em defesa dos interesses coletivos.
Leia, a seguir, os principais trechos da entrevista que o presidente do PT concedeu ao JORNAL DOS MUNICÍPIOS durante o encontro com os vereadores realizados em Aracaju neste sábado, 15.

Portal infonet - Como o Partido dos Trabalhadores está acompanhando a crise entre o Governo e Assembleia Legislativa?
Rogério Carvalho
 - Primeiro, é um problema que vai refletir em todo o estado de Sergipe. Nós temos um programa do Governo Federal que pode trazer para Sergipe mais de R$ 700  milhões em investimentos que muda a infraestrutura em várias regiões do Estado, que pode trazer desenvolvimento, geração de emprego e renda para a nossa população. O que estamos vendo é uma disputa política futura interferindo nas condições de vida da população. Sinto que Sergipe está caminhando para a alagoanização da sua política o que vai ser uma tragédia para as gerações futuras. Precisamos evitar isso e quem é da política precisa negociar, não pode haver intransigência em função de interesses eleitorais futuros. É preciso que haja o entendimento, a conversa e a negociação, ter interpretações que abram o debate para negociação e o entendimento  em nome do interesse público e dos interesses do estado de Sergipe, que é maior e mais importante do que qualquer interesse de liderança política ou qualquer projeto político, seja em que partido for.
Legenda
Portal infonet - Quais as alternativas do partido para manter a governabilidade e a harmonia entre os Poderes Executivo e Legislativo?
Rogério Carvalho - 
O partido tem buscado conversas através dos seus interlocutores. Neste momento, nosso interlocutor definido é o secretário da Casa Civil, Sílvio Santos, que tem buscando um meio de campo da negociação para viabilizar a liberação desses recursos que serão de grande importância para o estado de Sergipe. A estratégia é buscar o entendimento, mas é preciso que o outro lado também queira o entendimento. Não basta só o Governo querer e abrir espaço para negociação. Mas veja, o entendimento tem que ser em cima do projeto político para Sergipe. Não pode ser para beneficiar ninguém pessoalmente e sim o estado de Sergipe.

Portal infonet - Há possibilidade do Governo aprovar o Proinveste no próximo ano?
Rogério Carvalho - 
Não tenho como avaliar em função de não estar fazendo diretamente essa negociação, mas acredito que, no ano que vem com novas perspectivas, teremos um entendimento e aprovação. Ou, caso contrário, vamos iniciar um período difícil que é uma relação política absolutamente destrutiva para os interesses do estado de Sergipe.
Portal infonet - Quais as perspectivas do partido para 2014?
Rogério Carvalho - 
A expectativa é que a economia cresça e com isso aumente a geração de emprego e renda para a nossa população, e que tenha os investimentos federais de Sergipe sendo viabilizados. A expectativa é que a gente tenha um ano de entendimento político e um ano de grandes realizações no nosso Estado e no Brasil.
Portal infonet - Quais as alternativas do PT para candidato a governador e senador nas eleições de 2014?
Rogério Carvalho - 
A política vai se encarregar de definir quem serão os candidatos do nosso campo da chapa majoritária de 2014. Para senador o nosso candidato é o governador Marcelo Déda, espero que ele esteja pronto para fazer esta disputa.
Portal infonet - Como o PT vê as especulações em torno de uma união entre o governador Marcelo Déda e o prefeito eleito de Aracaju, João Alves Filho?
Rogério Carvalho - Acho que só são especulações. Há uma distância ideológica muito  grande e, se houver alguma aproximação, é uma associação em função do interesse público de Sergipe, mas não vejo essa possibilidade desenhada no momento.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012


No último fim de semana dona Irene Santos, recebeu a ligação de um homem se passando por produtor do Programa do Gugu. Durante o telefonema o rapaz dizia que a senhora havia ganhado uma casa no valor de R$ 200.000 reais no quadro "Sonhar mais um Sonho".
Desconfiada com a conversa Irene passou o telefone para a filha que gravou toda a conversa. Realmente ela escreveu uma carta para o programa do Gugu, mas ficou sem acreditar que podia ter ganhado quando o homem disse que para ela participar teria que depositar um dinheiro. "Ele falou que eu teria que dar R$ 2.000 reais para poder ganhar o prêmio. Então liguei para polícia e pedi informações do que deveria fazer", relatou a vítima que ressaltou. "O policial orientou que eu procurasse uma delegacia mais próxima e fizesse um boletim de ocorrência".
Na conversa dona Irene disse sua profissão, pois no começo chegou a acreditar que era verdade, mas depois veio perceber que era um golpe. Ainda segundo a vítima, o homem fez várias perguntas sobre a rotina de quem morava na casa e quando ela disse que não tinha dinheiro o homem ironizou. "Ele ainda fez piada falou no telefone que não entendia como uma pessoa consegue viver com tão pouco dinheiro".
Mãe e filha encerraram a ligação após perceberem que se tratava de um golpe, mas depois o homem ainda enviou várias mensagens para a filha de dona Irene através do celular. "Nas mensagens ele pedia desculpas, dizia que não queria fazer maldades com gente humilde e gostou muito de conhecer a gente", relatou Irene.

A Record alerta que não faz esse tipo de ligação pedindo deposito de dinheiro e que todas as promoções são amplamente divulgadas através do site R7 e na programação da emissora.

Capitão acusado de matar jovem em casa de show vai a júri popular nesta quarta


Após dois anos de espera, começa na manhã desta quarta-feira (12) o julgamento do policial militar, Capitão Denisson Santana do Nascimento, acusado de ter matado o jovem Rodrigo Jesus Santos, 21 anos, em uma festa na casa de espetáculos Emes. O crime aconteceu no dia 05 de dezembro de 2010.
O Capitão vai ser julgado por um júri popular e a juíza que vai presidir o julgamento é a Dr. Olga Barreto, da 5ª Vara do Fórum Gumersindo Bessa. O policial Denisson Santana aguardou o julgamento no Presídio Militar do Estado de Sergipe (Presmil) e chegou ao Fórum com a farda da penitenciária.
De acordo com o advogado de defesa, Evaldo Campos, a defesa será baseada na tese de que o policial agiu em legítima defesa.
O caso
O atendente de serviços gerais Rodrigo de Jesus Santos foi assassinado com três tiros a queima-roupa na madrugada do dia 5 de dezembro de 2010, no final de um show de samba.
O acusado foi preso em flagrante pelo coronel Carlos Magno Silvestre, que trabalhava no evento. Na época, em depoimento, o capitão disse que agiu em legítima defesa, após suspeitar que Rodrigo estaria vendendo drogas dentro da casa de show. Na versão dele, uma moça que tinha acabado de dançar com ele, foi até Rodrigo e pagou R$100 por duas ampolas de cocaína.
Em seu depoimento o policial também revelou que viu que Rodrigo estava armado e atirou na vítima. Versão que a polícia desconhece, pois na época nada foi encontrado na casa e nem com a vítima, que morreu a caminho do hospital com tiros no pescoço e no tórax.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Obra mal feita põe em risco a população de Nossa Senhora do Socorro



PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (32)

Hoje dia 08 por volta das 7h, populares de Nossa Senhora do Socorro verificaram o perigo que iriam correr, caso não observassem os danos causados por estalos na estrutura de uma obra da prefeitura. Os danos foram ocasionados quando operários retiraram as escoras de uma marquise onde esta sendo feita uma estrutura de um ponto de ônibus no final de linha do conjunto Fernando Collor de Melo, estas obras fazem parte de um projeto que segundo a própria comunidade não tem nada a ver com o projeto original que foi apresentado durante uma reunião com o prefeito Fábio Henrique.
Diversos moradores do conjunto Fernando Collor de Melo se reuniram e deram inicio a uma manifestação pedindo explicações e providências da prefeitura, tendo em vista que reparos improvisados estavam sendo feitos no local o que não garantiria a segurança dos usuários.
Segundo informações um funcionário da prefeitura falou que pilares seriam feitos para evitar desabamentos futuros, o que confirma os riscos que a população estaria correndo.
“Minha família pega ônibus todos os dias aqui no final de linha, se essa estrutura desabasse e ferisse alguém quem seria o responsável?”, disse indignado Weslei Correia morador do Bairro.
O corpo de bombeiros foi acionado e ao constatar o risco fez imediatamente o isolamento do local, a defesa civil informou que faria o registro do ocorrido e em pouco tempo apresentaria um laudo sobre a estrutura da obra.
A obra do final de linha do conjunto Fernando Collor de Melo em Socorro tem gerado muitos protestos na comunidade, visto que onde antes tinha uma praça arborizada, passou a ser um estacionamento particular das empresas de ônibus, no local vários acidentes são registrados e mesmo após as vagas serem feitas os motoristas pouco as utilizam e estacionam nas ruas e cruzamentos.

VÍDEO 01

VÍDEO 02

FOTOS
PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (34)final de linha f. collor
PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (1)final de linha f. collor
PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (5)PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (7)
PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (9)PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (10)
PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (11)PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (26)
PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (31)PONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (24)
final de linha f. collorPONTO DE ÔNIBUS F. COLLOR (29)
Por Robson Bispo